[RC 2016 #1] “Mistborn#1 – The Final Empire”, de Brandon Sanderson

mistborn

Título: Mistborn #01 – The Final Empire (Tor, 2006)
Autor: Brandon Sanderson

Opinião:

Falar deste livro é uma tentativa constante em não me atropelar com as palavras.
Já me tinham falado da triologia, já tinha ouvido (bons) elogios ao autor, mas confesso que as três tentativas anteriores em começar a ler este primeiro volume não tinham sido bem sucedidas.
A edição que tenho é a inglesa e em e-book. Perdoem-me, mas continuo a preferir o objecto original, em papel. Isso não quer dizer que não leia em formato digital, porém com tanta coisa na prateleira em fila de espera, há sempre e-books a ficarem para trás.

Talvez por isso tivesse adiado tanto tempo esta leitura. Não devia.
Tenho lido bons livros, mas confesso que este me arrebatou por completo. Brandon Sanderson é um escritor soberbo, que domina as técnicas e as aplica com mestria.
Confesso que nos dias que correm, é difícil para mim ler um livro sem o dissecar. Porém, quando a história me absorve e me faz devorar página atrás de página, dou por mim a alhear-me dos “pormenores técnicos”. Aqui, muitas vezes dei pela táctica adoptada por Sanderson, mas apenas para acabar roída de dor de cotovelo a pensar que gostava de conseguir escrever assim!
Mistborn está traduzido para português, o 1º volume chama-se “O Império Final”, e introduz-nos a um mundo onde a raça dos Skaa vive oprimida pelo Lord Ruler, um tirano (perdoem-me a falta de tradução, mas não sei como foi adaptado para a versão portuguesa…). A partir da cidade de Luthadel, a capital do Império, Lord Ruler governa com mão de ferro sobre a nobreza, controlando tudo e todos com o seu poder.
Vin, uma skaa que cresceu nas ruas com o seu irmão Reen, faz parte de uma equipa de ladrões e contrabandistas. O cabecilha do grupo cedo se apercebe que a presença dela consegue ajudá-lo nos seus negócios, pois Vin parece que consegue influenciar a vontade dos outros à sua volta.
Embora não perceba como o faz, Vin faz-se valer dessa capacidade para conseguir garantir um tecto sobre a sua cabeça e comida no estômago, agora que Reen a abandonou.
É durante um dos golpes, ao tentar influenciar um Obligator durante uma reunião, que Vin atrai as atenções de Kelsier e de Dockson, outros dois foragidos da lei. Mas não são só eles os dois a aperceberem-se dos poderes dela. Também um dos Inquisitors pressentem a tentativa de Vin em usar o seu poder.
É que ela não sabe, mas faz parte de um grupo de seres muito restrito, com capacidades especiais – os Mistborn.
Quando Kelsier a salva das garras do Inquisitor e a convida para se juntar ao seu plano mirabolante para derrubar o Lord Ruler e o Império Final, Vin aceita, não porque acredite na eficácia do plano, mas porque ele parece ser o único capaz de a ensinar a lidar com os recém-descobertos poderes alomânticos.
Mas sendo uma Mistborn, Vin depressa aprende a dominar as suas capacidades e conquista o seu próprio lugar no novo grupo e no plano.
Ao longo do livro, assistimos ao transformar de Vin, aos seus dilemas, aos seus receios, às suas dúvidas e ao seu crescimento. De skaa de rua aos salões da alta nobreza, Vin acaba por conhecer o glamour de uma vida que lhe lhe estivera vedada e sobre a qual nada sabia.
É aí que conhece Elend Venture, o herdeiro de uma família nobre, que lhe demonstra que nem toda a alta sociedade desrespeita os skaa.
Conseguirá Vin levar a cabo o plano até ao fim?
Conseguirá Kelsier derrubar o Lord Ruler?
Isto é o que vos convido também a descobrir.

 

Anúncios

One thought on “[RC 2016 #1] “Mistborn#1 – The Final Empire”, de Brandon Sanderson

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s