[RC2015#9] O Centenário que Fugiu Pela Janela e Desapareceu, de Jonas Jonasson

Centenário

O Centenário que Fugiu Pela Janela e Desapareceu, de Jonas Jonasson
Edição/reimpressão:2015
Páginas: 368
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04301-6
Idioma: Português

Sinopse

No dia em que Allan Karlsson celebra 100 anos, toda a cidade o aguarda para uma grande festa em sua honra.
Mas Allan tem outros planos… Morrer de velho? Sim, mas não ali!
Munido de um par de chinelos gastos, joelhos empenados e uma ousadia tremenda, Allan lança-se numa extraordinária aventura, arrastado numa torrente de equívocos e golpes de sorte.
E ao mesmo tempo que acompanhamos a sua última viagem (ou será que não?), conhecemos o seu passado, perdido entre guerras, explosões e mulheres fatais – qual delas a mais perigosa!
Uma estreia literária impressionante que conquistou centenas de milhares de fãs.

Opinião:

Porque demorei eu tanto tempo a ler um livro tão bom?
É simples, falta de tempo, porque o livro tem tudo para ser devorado num instantinho.
Não é um livro complexo, não é um livro que se diga ter um ritmo vertiginoso de acontecimentos, nem tão pouco nos presenteia com dissertações secantes. Bolas, antes pelo contrário!
Aqui encontramos um personagem principal desprovido de qualquer conceito de ética e moral, mas que por se reger a vida toda pelas suas próprias convicções, se torna verosímil e fácil de aceitar.
E se o centenário é “delicioso” de se conhecer, os outros personagens não lhe ficam atrás.
Estou super curiosa em ver o filme que fizeram, baseado nesta história, para ver se cumpre o objectivo e se capta o ambiente burlesco do livro.
Definitivamente, aconselho.

Advertisements

One thought on “[RC2015#9] O Centenário que Fugiu Pela Janela e Desapareceu, de Jonas Jonasson

  1. Reblogged this on Os Fantásticos mundos de Elsa and commented:

    Sim, eu sei que o blog tem andado muito parado. As leituras e todos os projectos que poderiam porventura interessar, também estagnaram um pouco nos últimos meses, fruto de uma mudança laboral que não me deixa com tanta disponibilidade com antigamente.
    Conto recuperar aos poucos.
    Paralelamente, o ano passou a voar e eu, que já não tinha estabelecido um objectivo de leitura muito ambicioso (uns meros 24 livrinhos), nem aos 10 ainda consegui chegar.
    Enfim, hei-de terminar mais um dentro em breve, se continuar a lê-lo a este ritmo. Pode ser que ainda consiga metade do número a que me propus. Já não será mau…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s